sábado, 13 de outubro de 2007

pois é

Vontade de escrever. Que bom! Abro o word, penso na vida. Na minha e na sua vida. Olho para a tela, ela ainda está em branco. Busco o meu dicionário interno de palavras. Penso nas palavras ditas ainda há pouco. Finalmente, as palavras foram boas. Baixamos as armas, aliviamos o semblante. Pois é, pensei demais. A vontade de escrever passou. Fecharei o word. Não tenho mais nada a declarar.

Um comentário:

Adriéllen disse...

... E o coração mais calmo...

Assim espero!

Beijo Guta!