segunda-feira, 25 de agosto de 2008

flor de maracujá

Corpo acetinado, morena em flor. Pétalas simétricas e, ainda, únicas. Simetria assimétrica. Desenho único, esculpido pelo erro da imperfeição. Perfume cítrico, maracujá em flor. Tem o verde como cor. Saliva doce, mel da fruta, néctar. Gosto em flor. Reinado único, onipresente, coroa em pétalas. Rainha-flor.

2 comentários:

Carol disse...

Mais uma vez eu de boca aberta!
rsrsrs
de boca aberta,coração aberto..

Obrigada por td que me faz passar e sentir!

BeijOs!!

Guta Brandt disse...

Dentre tantas outras coisas, dentre tudo aquilo que já prometi não dizer e aquilo que jurei nunca mais repetir...algo inusitado (muito inusitado, no meu caso) me escapa à boca:
EU ODEIO A ZÉLIA!

rsrs

Flor de maracujá...apesar dos trincos e trancos...obrigada também!